sábado, 16 de abril de 2011

Algumas Ferramentas Utilizadas na Arte Wicca!



O caldeirão

O caldeirão é um pequeno pote escuro, de ferro fundido que combina simbolicamente as influências dos quatro anti­gos e místicos elementos e que representa o ventre divino da Deusa Mãe, sendo utilizado pêlos Bruxos para vários propó­sitos e até para ferver poções, queimar incenso e guardar carvão, flores, ervas ou outros elementos mágicos.
O caldeirão pode ser usado também como instrumen­to para divinação. (Muitos Bruxos enchem seu caldeirão com água na noite de Samhain e os utilizam como espelho mágico para olhar o futuro ou o passado.)

O buril
O buril é um ferro de gravar usado por muitos Bruxos (e Magos Cerimoniais) para marcar ritualisticamente no­mes sagrados, números, runas e vários símbolos mágicos e/ou astrológicos em seus punhais, espadas, sinos de latão do altar, joalheria metálica e outras ferramentas da magia e do ritual.

O Livro das Sombras

O Livro das Sombras (também conhecido como "Livro Negro") é o diário secreto no qual o Bruxo registra seus encantamentos, invocações, rituais, sonhos, receitas de várias poções pessoais e outros assuntos.
Um livro desse tipo pode ser mantido por um indiví­duo em separado ou por todo um coven.
Quando ocorre a morte do Bruxo, o Livro das Sombras pode ser passado para seus filhos ou netos, mantido pela Alta Sacerdotisa e pelo Alto Sacerdote do coven ( se o Bruxo for membro de um deles no momento de sua morte) ou queimado para proteger os segredos da Arte. Qualquer que seja a decisão tomada, ela naturalmente depende dos costumes daquela determinada tradição wiccaniana e/ou da vontade pessoal do Bruxo.

O punhal

O punhal (também conhecido como "punhal do ar") é uma faca ritualística com cabo preto e lâmina de fio duplo, tradicionalmente gravada ou cunhada com vários símbo­los mágicos e/ou astrológicos.
Representa o antigo e místico elemento ar, símbolo da Força da Vida, e é usado pêlos Bruxos para traçar círculos, exorcizar o mal e as forças negativas, controlar e banir os espíritos elementais, e guardar e diredonar a energia durante os rituais mágicos.

O buril

O buril (é um punhal com cabo branco e lamina em forma de lua ) usado somente para cortar varetas, colher ervas para magia ou para cura, esculpir a tradicional lanterna de Samhain e gravar ninas e outros símbolos mágicos ou astrológicos em velas.

A espada cerimonial

A espada cerimonial representa o elemento fogo e é o símbolo da força do Bruxo.
Em certas tradições wiccanianas, a espada cerimo­nial é usada no lugar do punhal de cabo preto pela Alta Sacerdotisa de um coven, para traçar e apagar o círculo.A espada cerimonial, como o punhal, pode também ser usada para controlar e banir espíritos dementais (especialmente na Magia Cerimonial) e para guardar e direcionar a energia durante os rituais mágicos.

O cálice

O cálice (também conhecido como taça ou vaso sagra­do) representa o elemento ar e é usado no altar durante os rituais mágicos e Sabás, como recipiente para a água ou o vinho consagrado.
O cálice sagrado é tradicionalmente feito de prata e decorado com vários símbolos mágicos; entretanto, muitos Bruxos modernos usam cálices feitos de latão, estanho e até de cristal.

O pentáculo

O pentáculo é um disco chato feito de madeira, cera, metal ou argila. Ostenta a estrela mística de cinco pontas do Bruxo (pentagrama) e é usado em cerimônias mágicas e encantamentos para representar a energia feminina e o elemento terra, para invocar gnomos (espíritos de mentais da terra) e também para proteger objetos con­sagrados, como amuletos, ervas, cristais e outros.

A vareta

A vareta mágica (também conhecida como "Bastão do fogo") é um bastão fino de madeira, feito de um galho de árvore. Representa o antigo e místico elemento fogo, é símbolo da força, da vontade e do poder mágico do Bruxo que o possui. Na Magia Cerimonial, a vareta representa o elemento ar.
A vareta (que, de acordo com vários compêndios de magia, deve ter aproximadamente 50cm de comprimento) é usada pêlos Bruxos para invocar as salamandras (es­píritos dementais do fogo) em determinados tipos de ri­tuais, traçar círculos, desenhar símbolos mágicos no chão, direcionar a energia e mexer bebidas no caldeirão.vestes, velas, ferramentas ritualísticas, amuletos e talismãs, e são ritualisticamente usados pelos Bruxos para alterar sua consciência e produzir energia mágica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário